ÚLTIMAS

O sol do Nordeste brilha mais com fulô de Mandacaru
O Nordeste está feliz, só o mi, afinal Fulô de mandacaru depois de uma série de belas apresentações demonstrou talento e muita garra chagou a final e ganhou o superstar, na tarde deste domingo 26 numa disputa eletrizante. Um orgulho para o Nordeste que na sua simplicidade vem conseguindo galgar a cada degrau mostrando com nobreza seu talento na arte musical.  
Vamos conhecer um pouco da Fulô.
Com 15 anos de estrada, a banda já lançou sete CDs e dois DVDs, além de ter passado por vários palcos de festivais importantes

A banda liderada pelo trio de forrorzeiros Armandinho do Arcodeon, Pingo Barros e Bruno Mattos nasceu em Caruaru
O forró da banda pernambucana Fulô de Mandacaru está fazendo sucesso em rede nacional, não é à toa que neste domingo (19), o grupo garantiu uma vaga na final do reality show Superstar, exibido pela TV Globo. A banda liderada pelo trio de forrozeiros Armandinho do Arcodeon, Pingo Barros e Bruno Mattos nasceu em Caruaru e já tem muita história para contar dos 15 anos de carreira que completam neste ano. 

Tudo começou em 2001, quando os irmãos Armandinho do Acrodeon e Pingo Barros, na época com 15 e 10 anos, respectivamente, fundaram a banda. Eles começaram se apresentando em eventos de amigos e em festas do São João em Caruaru, sempre vestidos à caráter e trazendo uma mixagem de músicas tradicionais no repertório. 

Apenas com três anos de carreira, a banda teve sua primeira grande oportunidade, subindo ao palco principal do São João de Caruaru, abrindo as festividades oficiais do evento. A partir daí, a banda começou a colocar o pé na estrada, levando o forró irreverente para todo o Nordeste.

No ano de 2005, o grupo foi ainda mais longe e estreou nos palcos europeus, levando para a França sua primeira turnê internacional, onde ainda se apresentaram com Silvério Pessoa e diversos artistas internacionais. 


Com 15 anos de estrada, a banda já lançou sete CDs e dois DVDs, além de ter passado por vários palcos de festivais importantes, levando o autêntico forró nordestino para Brasil e para o mundo. No ano passado, o trio de forrozeiros bateu o recorde de público, cantando para mais de 130 mil pessoas, no palco principal do São João de Caruaru, a terra natal dos garotos.

LAÉCE OLIVEIRA 26 de junho de 2016
Prefeito reafirma sua pré-candidatura, e diz não ter mais como manter aliança com PMDB.
Em uma reunião com quase 3 horas de duração na noite de sábado 25, o prefeito Francisco Vanderlei de Souza Freire (PSD) reafirma mediante aos simpatizantes do seu projeto político dizendo, sou pré-candidato e afirmo que não há mais nenhuma possibilidade de aliança com PMDB.

Atual prefeito de Várzea Alegre, Vanderlei diz está de cabeça erguida para seguir em frente desbravando todos os obstáculos em que se encontra sua gestão, consciente das dificuldades o mesmo partirá para campo de forma destemida, recebeu apoio dos presentes que dizem está com ele para toda e qualquer circunstância, e de forma espontânea o prefeito confirma ser pré-candidato, e em sua página no facebook publicou:

“Se você quiser aceitar o chamado para ser líder, deve estar preparado para ser rejeitado e incompreendido por alguns. Rejeição nem sempre significa que você está errado, mas indica sim, que você está desafiando outros a mudar. Caros amigos, continuo pré-candidato aliado aos que verdadeiramente me apoiam, reconhecem e acreditam nos meus propósitos, sigo junto com Homero Fiuza”. Vanderlei Freire, 25 de junho de 2016.


LAÉCE OLIVEIRA
EJC comemora 10 anos de fundação em Várzea Alegre.
Fundamentados na palavra de Deus, jovens de Várzea Alegre comemoraram na noite de sábado 25, participando da celebração eucarística pela passagem de uma década de existência do Encontro de Jovens Com Cristo na paróquia de São Raimundo Nonato.

Cheios de alegria e muita espiritualidade os jovens que foram apadrinhados pelo EJC da Paróquia de São Vicente Ferrer de Lavras da mangabeira os mesmo veem mostrando que são verdadeiros missionários de Cristo e plantam um trabalho dinâmico na cidade.


Houve entrada de todas as equipes dirigentes ao longo dos 10 anos, uma forma de homenagear aqueles que já estiveram a frente do EJC. A santa missa foi presidida pelo vigário paroquial padre Erivanio.

LAÉCE OLIVEIRA
Morre aos102 anos dona Vicentina mãe da professora Irismar Araripe.
Faleceu por volta das 20h:00min da noite do sábado 25, em sua residência na rua José Alves Ribeiro centro de Várzea Alegre a centenária Vicentina Soares de Souza (viúva saudoso Vicente Araripe). A mesma segundo familiares sofreu falência múltipla dos órgãos e foi a óbito.

Seu corpo está sendo velado em sua residência haverá missa de corpo presente as 15h:00min na igreja matriz de São Raimundo Nonato e em seguida o sepultamento no cemitério da saudade.


Mãe de 08 filhos vivos, 11 netos e muitos bisnetos dona Vicentina deixará saudades a familiares e amigos pelo legado que deixará pelos anos passados aqui na terra.

LAÉCE OLIVEIRA
Morre agricultor que havia sido atacado por abelhas.
Depois de dois dias hospitalizado no Hospital São Raimundo Nonato em virtude de ataque de abelhas, morre o agricultor de 75 anos Damião Marques de Almeida. O mesmo residia na Rua Chiquinho Batista no bairro Riachinho.

Tudo aconteceu quando na manhã de sexta-feira 24, o senhor Damião saiu de sua residência para cortar algumas varas para escorar as galhas de um pé de limão existente em sua casa. Chegando ao destino em um matagal as margens da BR 230 sentido Mangabeira nas proximidades de uma casa pertencente ao empresário Daltom motos o mesmo foi atacado por um enxame de abelhas.

Um familiar tentou salvar o seu Damião não conseguiu acionou o SAMU que transportou a vítima ao hospital com inúmeras picadas das abelhas, foi medicado mais não resistiu e morreu as 18H:00min do sábado 25.


Seu corpo está sendo velado na sua residência na rua Chiquinho Batista haverá missa de corpo presente as 15h:00min na capela de Santo Antônio e em seguida o sepultamento no cemitério da saudade. 

LAÉCE OLIVEIRA
Guga’s Bar realizou na noite de sábado 25 o seu arraiá.
Ao som do forró zabumbando o empresário Gustavo Henrique proprietário do Guga’s Bar realizou o seu arraiá, dona de um público fiel, a casa que toda semana realiza música ao vivo, apresentou na noite de sábado 25, uma das referencias no autêntico forró pé de serra na região, forró zabumbando.

Com décadas de atuação a zabumbando é sinal de casa cheia, e fez com decência uma festa bacana para manter as tradições varzealegrense, quando no mês de junho os festejos são praticamente todos os dias. Sempre tem uma escola, bar e até mesmo família contratam os profissionais da sanfona para alegrarem seus arraiares.  


E no Guga’s não foi diferente o público dançou e cantou com zabumbando as mais tradicionais melodias do autentico forró pé de serra.

LAÉCE OLIVEIRA
Várzea Alegre – População reclama de cor da água oferecida pela Cagece.
Essa foi a água coletada nesta manhã na casa da dona Gerusa, totalmente amarela.
Durante toda essa semana parte dos consumidores da água distribuída pela Cagece em Várzea Alegre, passaram a reclamar da coloração da água. Segundo a população quando é colocado os baldes para apanhar a água a mesma chega com uma cor bem forte, um amarelo mais para ferrugem.

Somente na Varjota duas moradoras confirmaram as demais denúncias feitas a nossa reportagem. Maria Socorro da Rua Joaquim de Sátiro disse que os primeiros 20 litros captados da torneira que vem direto da Cagece não dar para usar. Após colher alguns litros é que vai melhorando a cor da água.

Já a consumidora Maria Gerusa da Moacir Bitú essa disse que além de amarela a água quando posta nos recipientes cria uma gosma que dificulta até mesmo a filtragem. Para a funcionária pública Gerusa essa cor da água lhe deixa receosa para consumir o produto.

Nossa reportagem buscou falar com o gerente local mais o mesmo não tem autorização para gravar entrevista regulamento da empresa, ficamos apenas sabendo que o setor de análise da Cagece já tem conhecimento do caso.


Buscamos então contato por telefone com o gerente regional da Cagece Dr. Galba mais não conseguimos falar com o mesmo nesta manhã de sexta-feira 24. Voltaremos em outra oportunidade tentar manter contato com o mesmo para que a população seja esclarecida do fato. 

LAÉCE OLIVEIRA 24 de junho de 2016
Várzea Alegre – Mãe e filha foram assaltadas quando se dirigiam para uma perícia médica.
Por ser uma cidade de interior de população entre 40 mil habitantes e conhecida pelo seu jeito pacato de ser, os moradores de Várzea Alegre não encaram como comum, o mundo da criminalidade como se faz em diversas cidades desse País.

De modo que: Jaqueline Batista de Morais e sua mãe Luiza Batista de Morais, passaram por um verdadeiro constrangimento quando nesta madrugada de sexta-feira 24, mãe e filha se destinavam à secretaria de saúde do município para apanhar carro que as conduzissem até Juazeiro do Norte, onde a dona Luiza faria uma perícia médica.

As duas caminhavam por volta da 03h:00min da madrugada quando nas proximidades do escritório do Cariri da Sorte na Rua Coronel Pimpim as mesmas foram abordadas por dois indivíduos em uma moto Honda Biz de cor prata.

Os mesmos anunciaram assalto intimidando as vítimas com uma faca. Na ocasião, tomadas pelo medo não houve muito o que se fazer, a não ser entregar a bolsa com documentos, um celular e uma quantia de R$ 120,00 (cento e vinte reais) em dinheiro.

A ação criminosa foi registrada na polícia que passou a fazer diligencias no intuito de chegar aos culpados, porém até o fechamento dessa matéria sem sucesso.

LAÉCE OLIVEIRA
Quixadá lembra Dia da Ufologia
Os relatos foram se popularizando e até alavancam o turismo. Já há uma boate com temática ufológica, a primeira do estilo no Brasil ( Foto: Maristela Crispim )
Quixadá. Estamos sozinhos no Universo? Por mais clichê que possa parecer, a pergunta é inquietante mexe com o povo deste Município do Sertão Central do Ceará, a 167Km da Capital. Hoje, Dia Mundial da Ufologia, a cidade se vê cada vez mais convencida de ter uma razão para comemorar: após anos colecionando relatos de abduções e de aparições de "disco-voadores", o Município se tornou a Capital Cearense da Ufologia.
Não falta quem afirme ter visto Objeto Voador Não-Identificado (OVNI). Seja numa loja de conserto de eletrodoméstico ou num bazar de roupas, tem sempre quem diga ter avistado uma luz ofuscante ou um objeto estranho cortando o céu. "Meu pai e minha mãe já viram! Era uma luz muito forte e o objeto era muito grande", disse o empresário Robson Costa, 43.
A cidade ainda mantém na memória os relatos do caso Barroso, o mais famoso de abdução do Ceará. Na década de 80, o aposentado teria sido abduzido por uma luz. Sua morte teria sido provocada pelos fenômenos que se sucederam após o fato. "Ele não sabia andar, foi perdendo a memória, ficando mais fraco. Barroso morreu de um jeito que nenhum médico da época soube dizer o que era", relata o ufólogo cearense Agobar Peixoto, que há mais de 60 anos pesquisa relatos no Estado. "A partir do caso Barroso, a cidade começou a ser pesquisada e os casos foram aparecendo", diz.

Robson Alencar, comerciante e ufólogo quixadaense, que realiza pesquisas sobre o assunto há 36 anos, concorda. "Tenho certeza que existe vida fora do Planeta. Eu mesmo já tive contato com seres e Quixadá é uma ponte destes seres aqui na Terra", afirma ele, que mantém vigílias noturnas com um grupo de 20 pesquisadores, para reunir evidências que comprovem sua tese. Os relatos foram se popularizando e alavancaram o turismo. As pessoas chegam olhando para o céu a procura de algo diferente. Há até uma boate com temática ufológica, a primeira do estilo no Brasil.
http://diariodonordeste.verdesmares.com.br

LAÉCE OLIVEIRA
Várzea Alegre – Carnes são transportadas com higiene.
Os marchantes de Várzea Alegre que até emana passada estavam apreensivos no que tange a matança dos animais para atender a demanda do município, hoje respiram aliviados.

Segundo o Joan Ferreira da Silva (Manim) que está à frente como organizador da categoria, os mesmos conseguiram levar os animais para serem abatidos no Juazeiro do Norte com todos os direitos que os marchantes teem. E algo deixou os profissionais satisfeitos, a entrega.

Nesta manhã de quinta-feira 23, o Manim pediu para que nossa reportagem registrasse a chegada do carro que faz o transporte dos animais abatidos. A responsável pelo carrego é a empresa frigorifico industrial do Cariri, que tem toda uma preocupação na hora da entrega.


As carnes chegam em um carro de cama fria e revestidas em sacos plásticos adequados para o transporte, evitando contato humano e até mesmo outros tipos de contatos quando retiradas do carro. Competência da categoria e oferta de melhor higiene para os consumidores.

LAÉCE OLIVEIRA 23 de junho de 2016
Postagens mais antigas ››

Postagens populares